BARATAS

Existem duas espécies que devemos nos preocupar no Rio de Janeiro: A Barata de esgoto e a Barata Francesinha.

BARATAS DE ESGOTO

Pragas urbanas: Baratas de esgoto

CARACTERÍSTICAS:
São insetos invertebrados, que medem cerca de 4 cm na fase adulta. Possuem cor marrom avermelhada com um tom
amarelado atrás da cabeça. São rápidas e ágeis. Possuem asas mas não costumam voar.

HÁBITOS E ALIMENTAÇÃO:
Gostam de locais úmidos, quentes e gordurosos, e de preferência com lixo ou matéria orgânica disponível.
São vistas nas grandes cidades dentro de redes de esgoto, ralos, lixeiras, valões, entulhos e terrenos baldios.
Dentro das casas são mais encontradas dentro de bueiros, ralos e próximo as lixeiras.

São insetos invasores, ou seja, não costumam fazer ninhos dentro das casas. Entram nas casas somente para se alimentar.
Por serem insetos de hábitos noturnos, as baratas de esgoto ficam escondidas durante o dia e costumam invadir as cozinhas
durante a noite e a madrugada.

REPRODUÇÃO:
Cada fêmea adulta é capaz de produzir entre 6 e 14 ootecas, que serão carregadas por alguns dias e em seguida
depositadas em locais escondidos e seguros. Cada ooteca dará origem a cerca de 15 ovos.

Baratas de esgoto adultas podem viver até cerca de 1 ano. Uma única fêmea é capaz de produzir cerca de 150 ovos
por vida.

BARATAS FRANCESINHAS

Pragas urbanas: Baratas francesinhas ou baratas alemas

CARACTERÍSTICAS:
São um pouco menores que as baratas de esgoto, medindo entre 1cm e 1,5cm na fase adulta. Sua cor vai do marrom
claro ao amarelado, e possuem duas listras pretas características nas costas. Possuem asas mas não voam.
São rápidas e tem a capacidade de escalar paredes, móveis e objetos com facilidade.

HÁBITOS E ALIMENTAÇÃO:
Baratas gostam de locais quentes e úmidos, e costumam fazer seus ninhos sempre próximos as fontes de alimento.
São vistas geralmente dentro das cozinhas, em frestas e rachaduras do piso e paredes, dentro de buracos em armários
e outros móveis, embaixo da pia ou dentro de fogões e geladeiras.

São onívoras, portanto se alimentam de praticamente qualquer alimento disponível. Dentro das casas costumam comer
migalhas, restos de comida e alimentos abertos.

É importante que infestações de baratas sejam controladas rapidamente, já que infestam diretamente os locais onde estocamos
nossos alimentos e fazemos nossas refeições. O que pode ocasionar na transmissão de doenças graves, infecções alimentares
e reações alérgicas.

REPRODUÇÃO:
São grandes reprodutoras e em especialmente no verão. Uma única barata francesinha fêmea é capaz de gerar até 400 ovos por vida dependendo das condições do ambiente.

As fêmeas fazem sua postura através de uma ooteca extremamente resistente, com cerca de 30 ovos. Carregam a ooteca
por dois dias e em seguida fazem a postura em um local escondido e protegido. Os ovos eclodem em apenas alguns dias.

SINAIS DE INFESTAÇÃO DE BARATAS

O primeiro sinal de infestação é avistar uma barata viva ou morta dentro da sua casa.Se você identificou uma barata entrando na sua casa a noite você pode estar com uma infestação ou pode ser apenas uma barata de esgoto vinda dos da rua ou dos vizinhos. Porém se você viu uma barata durante o dia, sua casa tem grandes chances de estar infestada.

O segundo sinal de infestação é a presença de fezes. As fezes das baratas francesinhas são muito pequenas, como granulados escuros. Já as baratas de esgoto possuem as fezes parecidas, porém um pouco maiores, com a forma de um cilindro com as pontas circulares.

Baratas defecam em qualquer lugar, mas costumam defecar próximo as suas fontes de alimento e dentro dos seus enconderijos, portanto procure perto dos rodapés, embaixo de armários, dentro de armários e gavetas, e em cima da bancada da cozinha.

Outro sinal de infestação é a presença de restos de asas e de pele morta em locais escondidos e pelos cantos da casa. Baratas nas fases jovens fazem diversas mudas enquanto se desenvolvem e se transformam em adultas, e neste processo deixam cair restos de pele e asas por onde andam.

Um cheiro desagradável (feromônio emitido pelas fêmeas para acasalamento), parecido com o cheiro de mofo, é outro sinal de
infestação de baratas. Quando maior a infestação, maior vai ser o cheiro.

Procure por manchas de gorduras nos cantos das paredes. São produzidas pelas baratas quando circulam por esses locais mas
dependem do nível de água disponível.

Ootecas vazias também podem ser encontradas muito próximas ou dentro dos seus esconderijos.

Leia mais sobre como identificar uma infestação de baratas.

RISCOS DE UMA INFESTAÇÃO DE BARATAS

Baratas não fazem distinção por ondem andam. Elas carregam milhares de bactérias patogênicas em suas patas vindas do esgoto e do lixo, que podem transmitir doenças através do contato com a sua comida, bebida ou até pelo ar.

Baratas podem transmitir doenças graves como:

Tuberculose: Tuberculose é uma doença bactericida que ataca principalemte os pulmões, porém também pode ocorrer em outros órgãos como rins, cérebro, ossos e outros. A tuberculose pulmonar é a mais comum no Brasil. É transmitida através da via respiratória, ou seja, pode ser transmitida pelo espirro, tosse, beijo, fala entre outros.

Hepatite A: É uma doença viral que ataca o fígado. Sua transmissão ocorre geralmente através do contato e posteriormente a ingestão com alimentos e líquidos infectados com o vírus. Seus sintomas incluem febre, perda de apetite, náusea, vômitos, icterícia (olhos ou pele amarelada) entre outros.

Febre tifóide: É uma doença contagiosa, transmitida pela Salmonella typhi. Sua transmissão ocorre pela boca, tanto pela ingestão de alimentos e líquidos infectados como pelo contato direto com saliva de um portador. Seus sintomas na fase aguda (ínício da doença) são febre alta, diarréia forte, tosse seca, dor de cabeça, dor de barriga e mal estar.

Difteria: É uma doença que ataca as vias respiratórias, amígdalas, laringe, faringe, traqueia, brônquios e nariz. E também a pele. Sua transmissão se dá pela tosse, espirro ou saliva. Seus principais sintomas são febre, fraqueza, dor de garganta, tosse, cansaço, náusea e um inchaço característico no pescoço. Pode causar dificuldade de respiração. Pode ser evitada por meio de vacina.

Leia mais sobre doenças transmitidas por baratas.

MAIS INFORMAÇÕES

Dedetização de baratas
Leia mais sobre o nosso tratamento contra baratas.

Blog das pragas: Baratas
Dicas, curiosidades e fatos sobre as baratas.

Dúvidas frequentes sobre baratas
Veja as dúvidas mais frequentes dos nossos clientes sobre baratas.

ESTÁ TENDO PROBLEMAS COM BARATAS?

Solicite agora mesmo seu orçamento online gratuito e deixe a nossa equipe cuidar do problema para você.

PROBLEMAS COM BARATAS?

Solicite agora mesmo seu orçamento online gratuito e deixe a nossa equipe cuidar do problema para você.